África Subsaariana – Aspectos Gerais

África Subsaariana é região que engloba os países africanos situados ao sul do deserto do Saara. A região possui clima, cultura e apectos geográficos e sociais diversos.

É a região mais pobre do mundo, segundo dados do Banco Mundial. Sendo que, dos 973,4 milhões de habitantes, apenas 37% moram em região urbana. A expectativa de vida é de apenas 58 anos e a renda per capita US$ 1.638. Comparando esses dados com os dos Estados Unidos e Brasil, respectivamente, percebe-se a grande desigualdade: a expectativa de vida é de 79 e 74 anos e a renda per capita de US$ 55,200 e US$ 11,530.

Veja também outros artigos relacionados à Geografia.

A população enfrenta diversos problemas com a pobreza, fome, sede, conflitos e doenças.

Países da África Subsaariana

Os países que constituem a África Subsaariana são:

  • África do Sul,
  • Angola,
  • Benin,
  • Botsuana,
  • Burkina Fasso,
  • Burundi,
  • Camarões,
  • Cabo Verde,
  • Chade,
  • Congo,
  • Costa do Marfim,
  • Djibuti,
  • Guiné Equatorial,
  • Eritreia,
  • Etiópia,
  • Gabão,
  • Gâmbia,
  • Gana,
  • Guiné,
  • Guiné-Bissau,
  • Ilhas Comores,
  • Lesoto,
  • Libéria,
  • Madagáscar,
  • Maláui,
  • Mali,
  • Mauritânia,
  • Maurício,
  • Moçambique,
  • Namíbia,
  • Níger,
  • Nigéria,
  • Quênia,
  • República Centro-Africana,
  • Ruanda,
  • República Democrática do Congo,
  • São Tomé e Príncipe,
  • Senegal,
  • Seychelles,
  • Serra Leoa,
  • Somália,
  • Sudão,
  • Suazilândia,
  • Tanzânia,
  • Togo,
  • Uganda,
  • Zâmbia, e,
  • Zibábue.

História

No século XIX  a região era conhecida como África Negra pelos ocidentais devido à habitação por pessoas negras. Tal termo caiu em desuso e é considerado pejorativo.

A região é considerada berço da humanidade.

Geografia

Seu terreno é estável, formado principalmente, por um grande planalto.

Possui uma área com florestas tropicais úmidas próxima ao trópico do Equador. Ao sul encontra-se a savana, maior parte da África Subsaariana, e também o deserto de Kalahari, que se estende até a costa do Oceano Atlântico.

A região sobre com a escassez de água, o que agrava a pobreza e precariedade da qualidade de vida dos habitantes.

Economia

Sua principal fonte de receita é o extrativismo, com geração de energia a partir do petróleo. A região petrolífica também é um dos principais pontos de distúrbios alimentares, corrupção, disputas políticas e declínio econômico.

Língua e Religião

Os idiomas falados na África Subsaariana são originários do Bantu, totalizando cerca de 600 línguas. Devido à influência europeia, há países que falam francês, português e inglês.

A religião predominante é a católica, porém há uma grande parcela de muçulmanos e aqueles que seguem religiões indígenas tradicionais africanas.

Aids

A África sofre com uma pandemia de Aids, que já deixou mais de uma dezena de milhões de orfãos. Fato que também prejudica a capacidade produtiva dos países. As causas principais do alto índice de contaminação são a exploração sexual e a falta de tratamento feminino, já que as mulheres são consideradas seres inferiores.

O que você achou desse artigo? Se gostou dessa informação, compartilhe com seus amigos e nos deixe uma avaliação!
E para mais novidades não deixe de nos seguir nas redes sociais!